Love In The Hell | Primeiro Gole

site1

Um dos anúncios mais bombásticos da última semana foi com o lançamento do novo mangá da editora JBC: ‘Jigokuren’ ou ‘Love In The Hell’. A comédia-ecchi dará as caras nas bandas já em 2015, acompanhando o ‘Zetsuen No Tempest’. 

Originalmente, Jigokuren foi lançado na revista Comic High!, a mesma que já despontou títulos como Kodomo no Jikan e Chu-Bra. Love In The Hell é um mangá escrito por Reiji Suzumaru e fechou com 3 volumes; Comédia sarcástica, pesada em certos momentos, vai atrair muita atenção dos que gostam do estilo.

Capa Japonesa, Volume 1

Capa Japonesa, Volume 1

Highway To Hell

Bem, o enredo da série é super simples: Rintaro, após ficar bêbado, morre e acorda no inferno!

Bizarrão né? Nos primeiros capítulos, nem temos ciência do porquê ele morreu, que tipo de overdose ou algo do tipo. Na verdade, ficamos boquiaberto da mesmo forma que o próprio protagonista.

Quando acorda no inferno, uma diabinha/diabrete vem “acompanhá-lo” e é ela que passa as informações sobre como viver por lá, conseguir dinheiro e tudo mais. O interessante: Tudo isso se passa com o Rintaro peladão! E mais, a diabinha Koyori, pra evitar ficar olhando as partes íntimas do humano, amarra um iPod no membro inferior dele…

Um fator interessante, é que a série trabalha com algo parecido do conceito ‘Inferno de Dante’ e seus níveis infernais. Rintaro, por ter tido uma morte estúpida, acabou indo para o primeiro nível, mais próximo da superfície, onde só habita uns diabinhos “de boa”. Mas é aí que tá: Ele não aceita sua morte, acha injusta. É aí que Kiyori, que bem, acaba sentindo “um algo a mais” pelo humano, começa a ajudá-lo nessa empreitada de voltar ao mundo dos vivos.

Imagem Divulgação

Imagem Divulgação

Masoquê? Masoquismo?

Bem, para o Rintaro comprar algumas roupas, ele precisa de algumas moedas ou um dindin infernígneo, certo? É aí que entra a questão de “pagar os pecados”. O sistema monetário do inferno é bem interessante: Quanto mais você sofrer com dor, mais grana vai ter.

Sabe aquela coisa: “No Pain, No Gain”? Funciona exatamente assim. É aí que Rintaro só se ferra, já que além de um tremendo medroso, é um bundão daqueles… E ainda sobra espaço para suas taradisses em cima das diabinhas por lá e é nessa que ele apanha e ganha uns trocados.

Para a galera que curte masoquismo é uma boa. Muito dessa galera acaba virando celebridade por lá, por quê né, ganha muita grana com isso. Uma coisa que esqueci de citar é de que: Caso você “morra” de novo ou perca a cabeça ou algum outro membro, no outro dia você tá novinho em folha! Mas lembrando que a dor é a mesma…

É Pecado Comprar?

Retomando que são três volumes e se você curte uma comédia ecchi, pode esperar, que este lançamento da JBC vai te agradar. Se além de curtir uma comédia mais picante e tem atrações por todo este universo sadista e sarcástico, pode comprar, tacar fogo, fazer ritual e comprar de novo depois!

Para a galera que não é fã desse segmento, podemos abordar isso com mais profundidade em nosso Review e tentar extrair mais da subjetividade e conceito artístico da obra. Enfim, aguardem que logo uma análise mais detalhada de Love In The Hell! 😉

love2

Imagem Divulgação

 

 

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Análises, Primeiro Gole

Uma resposta para “Love In The Hell | Primeiro Gole

  1. ondorekun

    Gostei da Review pensarei em comprar

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s